Home / Política / Bolsonaro faz primeira reunião ministerial no Palácio do Planalto

Bolsonaro faz primeira reunião ministerial no Palácio do Planalto

Bolsonaro comanda a primeira reunião ministerial no Palácio do Planalto ao lado do vice-presidente Hamilton Mourão e do ministro Onyx Lorenzoni (Casa Civil) — Foto: Rafael Carvalho/Presidência da RepúblicaBolsonaro comanda a primeira reunião ministerial no Palácio do Planalto ao lado do vice-presidente Hamilton Mourão e do ministro Onyx Lorenzoni (Casa Civil) — Foto: Rafael Carvalho/Presidência da República

Bolsonaro comanda a primeira reunião ministerial no Palácio do Planalto ao lado do vice-presidente Hamilton Mourão e do ministro Onyx Lorenzoni (Casa Civil) — Foto: Rafael Carvalho/Presidência da República

O presidente Jair Bolsonaro comandou nesta quinta-feira (3), no Palácio do Planalto, a primeira reunião com sua equipe de ministros e com o vice-presidente, general Hamilton Mourão.

O encontrou começou por volta das 9h20 e reuniu o grupo chamado de “conselho de governo”, cuja função é assessorar o presidente da República na “na formulação de diretrizes de ação governamental”.

Bolsonaro assumiu oficialmente o cargo de presidente na terça-feira (1º) e decidiu antecipar o encontro do conselho, que estava previsto para a próxima semana. O presidente pretende ter reuniões semanais do grupo.

Bolsonaro em reunião com ministros nesta quinta-feira (3) — Foto: Rafael Carvalho/Presidência da RepúblicaBolsonaro em reunião com ministros nesta quinta-feira (3) — Foto: Rafael Carvalho/Presidência da República

Bolsonaro em reunião com ministros nesta quinta-feira (3) — Foto: Rafael Carvalho/Presidência da República

Antes da reunião desta quinta, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, informou que o presidente avaliaria cerca de 50 medidas sugeridas pela equipe ministerial.

A intenção de Bolsonaro é definir um cronograma de anúncio de ações que visam “facilitar a vida das pessoas”, conforme Onyx.

O novo governo tem 22 ministérios, conta que inclui a Advocacia-Geral da União (AGU) e o Banco Central.

Nos últimos dois meses, a equipe de Bolsonaro teve acesso aos dados oficiais da administração federal e preparou as medidas discutidas na reunião desta quinta-feira.

Check Also

PT anuncia convocação de congresso para renovar agenda política após vitória de Bolsonaro

A presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), senadora Gleisi Hoffmann, em carta à militância, publicada …