Home / Notícias / Lava Jato é um grupo de trabalho, mas virou partido político, afirma Mendes

Lava Jato é um grupo de trabalho, mas virou partido político, afirma Mendes

REUTERS / Ueslei Marcelino

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes descarregou sua artilharia contra membros da Operação Lava Jato e, em especial, contra o procurador Deltan Dallagnol, que foi alvo de abertura de um processo administrativo disciplinar pelo Plenário do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

Para o ministro, o grupo de investigação se transformou em um partido político e a tentativa da criação da “fundação Lava Jato”, com gerenciamento de grandes montantes financeiros, seria uma “brincadeira que Dallagnol teria para fazer política”.

A abertura do processo se deu por declarações que o procurador deu em uma recente entrevista à rádio CBN, afirmando que os ministros Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski, além de Gilmar Mendes, desfaziam todo o trabalho realizado em Curitiba.

Check Also

Vale e chinesa vão montar usina de aço de R$ 1,5 bilhão no Pará

Pela primeira vez em mais de quatro décadas de exploração mineral no território paraense, o …