PT confirma a candidatura de Paulo Rocha a governador do Pará

O Partido dos Trabalhadores (PT) realizou convenção neste domingo (5) e anunciou Paulo Rocha como candidato a governador do Pará e Sandra Batista como candidata a vice-governadora. Ao Senado, o partido oficializou a candidatura de Zé Geraldo.

A convenção ocorreu na sede da Escola de Samba Quem São Eles, no bairro Umarizal, em Belém. Figuras importantes do partido estiveram presentes na convenção, que lançou ainda 7 candidatos a deputado federal e 23 a estadual.

PSDB anuncia apoio à candidatura de Márcio Miranda, do DEM, a governador do Pará

O Partido da Social Democracia Brasileira anunciou em convenção realizada neste domingo (5) apoio à candidatura de Márcio Miranda, do DEM, a governador do Pará. Ao Senado, o partido lançou a candidatura de Flexa Ribeiro.

O evento aconteceu no Ginásio do Sesi, na avenida Almirante Barroso, em Belém, e contou a presença de vários políticos incluindo o governador do Estado Simão Jatene e do prefeito de Belém Zenaldo Coutinho.

Kátia Abreu vice de Ciro

A senadora Kátia Abreu deve ser anunciada como vice de Ciro Gomes nesta segunda-feira, 6, segundo a Folha. Isolado após manobras do PT, o presidenciável deve optar por uma “solução caseira”. Com isso Kátia deve abrir mão de disputar o governo do Tocantins.

Bolsonaro terá general Hamilton Mourão como vice

O general da reserva Hamilton Mourão (do PRTB) foi anunciado neste domingo (5) como vice na chapa de Jair Bolsonaro (PSL) na disputa pela Presidência. O comunicado foi feito durante a convenção do PSL em São Paulo, em um clube na zona norte da capital paulista. O anúncio do militar frustrou uma plateia que, antes do início do evento aclamava o administrador e membro da família imperial brasileira, Luiz Philippe de Orleans e Bragança como vice.

A indicação de Mourão para vice teria sido uma decisão pessoal de Bolsonaro. O “príncipe” soube que não foi escolhido pelo cargo apenas momentos antes da convenção.

Tiririca diz que disputará reeleição para deputado

O deputado federal Tiririca (PR) declarou neste sábado (4.ago.2018), em convenção nacional do PR, em Brasília, que tentará a reeleição na Câmara dos Deputados.

“Quero dizer para vocês que estou muito feliz. Para quem não sabe, eu rodo o país todo nos finais de semana fazendo shows de humor, que é minha profissão. E, quando eu termino o show, recebo a galera para fotos. Eu tenho recebido muito apoio. Eu havia falado que ia desistir da política. E o povo fala comigo: ‘Não desiste não. Você está fazendo 1 trabalho tão bacana, tão legal’. E agora eu volto atrás. Estou declarando a vocês que eu volto a disputar a eleição”, disse Tiririca.

Calendário Eleitoral 2018

5 DE AGOSTO – DOMINGO

  1. Último dia para a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e a escolher candidatos a presidente e vice-presidente da República, governador e vice-governador, senador e suplente, deputado federal, deputado estadual ou distrital (Lei nº 9.504/1997, art. 8º, caput).

Confira a lista de candidaturas que vão disputar a Presidência da República:

O Podemos confirmou o senador pelo Paraná, Álvaro Dias como candidato, em convenção realizada em Curitiba. Seu vice é o economista Paulo Rabello de Castro (PSC), que desistiu de concorrer à Presidência para compor a chapa com Álvaro Dias.

O PSDB confirmou a candidatura do ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin para disputar a Presidência da República. Na sua chapa como vice-candidata está a senadora Ana Amélia (PP) do Rio Grande do Sul.

O Patriota referendou o nome do deputado federal Benevenuto Daciolo Fonseca dos Santos, mais conhecido como Cabo Daciolo, para disputar a Presidência da República. Sua candidata a vice na chapa é a pedagoga Suelene Balduino Nascimento, também filiada ao Patriota.

O Partido Novo lançou a candidatura de João Amoedo, referendando a escolha que já havia sido anunciada na pré-convenção. Como candidato a vice na disputa está o professor universitário Christian Lohbauer.

O PT manteve a candidatura do ex-presidente Lula, mesmo ele estando preso em Curitiba, cumprindo pena de doze anos de condenação por corrupção e lavagem de dinheiro. Ainda não foi anunciado o nome do vice.

A Rede Sustentabilidade confirmou neste sábado a candidatura de Marina Silva para presidente. Eduardo Jorge (PV) é o seu candidato a vice.

O PSOL lançou uma chapa com Guilherme Boulos como candidato a presidente e a indígena Sônia Guajajara é candidata a vice, em convenção realizada dia 21 de julho.

O DC referendou o nome do veterano em disputas presidenciais José Maria Eymael no dia 28 de julho. Ele vai disputar a eleição pra presidente pela quarta vez e tem como vice o pastor Hélvio Costa.

O MDB lançou a candidatura do ex-minitro Henrique Meirelles no dia 2 de julho. O ex-governador do Rio Grande do Sul, Germano Rigotto (MDB), é o nome que vai compor a chapa como candidato a vice.

O PDT lançou o ex-ministro Ciro Gomes como candidato a presidente, dia 20 de julho. Mas, ele ainda não tem o nome do candidato a vice na disputa eleitoral.

O PSL confirmou a candidatura de Jair Bolsonaro dia 22 de julho. seu vice, também ainda não foi definido.

O PCdoB lançou a candidatura da deputada estadual do Rio Grande do Sul, Manoela D´Àvila para disputar a Presidência. Será a primeira vez que o PCdoB disputará a eleição para presidente com candidatura própria. ela ainda não tem vice.

O PSTU lançou no dia 20 de julho em sua convenção, a candidatura da socióloga Vera Lúcia para disputar a Presidência da República. O professor maranhense Hertz Dias é o vice na chapa do PSTU.

Fonte: Globo.com

Helder fecha com novos partidos

Infomações: Bacana News

Ontem o pastor Arilton foi destituído da presidência do PTC. O partido nacionalmente decidiu apoiar Helder, e o novo presidente Cláudio Almeida ex deputado , sacramentou o apoio hoje, reunido com a nova executiva e os candidatos a deputado estadual. O PEN do deputado Raimundo Santos tambem fechou agora com Helder. O PRB também fechou com Helder.

Segundo o pré candidato ao Senado Jarbas Vasconcelos o PV deu meia volta e resolveu agora em reunião se coligar com o candidato do MDB ao Governo .

MDB Pará oficializa Helder como candidato ao governo

Helder Barbalho falou sobre os seus projetos para o Governo do Estado. “Eu assumo um compromisso com o povo do Pará de fazer um governo presente e cuidar das pessoas, e tirar o Pará do abandono. E poder respeitar cada cidadão desse Estado, para que possamos daqui pra frente viver um momento de desenvolvimento, de geração de emprego, de cuidar da saúde, da educação. E segurança pública ser prioridade, para trazer paz para as famílias. Então eu peço uma oportunidade de poder, junto com o povo do Pará, daqui pra frente construir um novo tempo para nosso Estado”, disse em entrevista ao Diário do Pará.

O senador Jader Barbalho, os deputados federais Simone Morgado, Elcione, Priante e Éder Mauro, além dos estaduais João Chamon, Soldado Tércio, Iran Lima e Eraldo Pinheiro, e o vereadore Joaquim Campos, também participam da convenção.