Bolsonaro: ‘tendência’ é enviar Exército para região amazônica

Akemi Nitahara / Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que a “tendência” é que o governo acione tropas do Exército para auxiliar no combate aos incêndios na região amazônica, o que ocorreria por meio de uma operação de Garantia de Lei e da Ordem (GLO).

“É uma tendência. A tendência é essa, a gente fecha agora de manhã”, disse o presidente ao deixar o Palácio da Alvorada na manhã desta sexta-feira, 23.

Bolsonaro lembrou que organizou uma “reunião muito grande ontem” no Planalto para discutir a situação – oito ministros participaram do encontro. “Discutimos muita coisa. O que estiver ao nosso alcance nós faremos”, declarou o presidente. Em seguida, questionado por jornalistas se isso contemplaria liberação de recursos, ele disse que “o problema é recurso”.

Cantor gospel morre em altar de igreja após dizer “obrigado Deus por tudo”

Cantor gospel morre em altar de igreja após dizer “Obrigado Deus por tudo”. A morte do cantor Frederico Santos pegou a igreja evangélica Pedra Edificante no Estado do Ceará de surpresa.

O cantor foi convidado pelo Pastor João Helliton para cantar na noite do último domingo na igreja Pedra Edificante, o cantor confirmou a presença para participar do evento da igreja que estava em festa comemorando o aniversário da igreja.

Segundo o Pai de Frederico, o filho sempre foi um ótimo filho e desde criança já cantava na igreja e sempre foi elogiado pelo seu timbre de voz agudo. O pais ainda afirmou que o filho sempre pediu para Deus que se fosse para morrer ele queria que fosse no altar.

Parece que o desejo de Frederico foi atendido, ele estava cantando a música TU ÉS FIEL SENHOR quando de repente ele caiu e logo em seguida a igreja já começou a clamar a Deus e outras pessoas já foram ajudar o cantor.

O pastor conta que a morte dele foi repentina, ele estava cantando e de repente ouviu-se ele falando “Obrigado Deus por tudo” e ele caiu no chão completamente morto. Fiéis da igreja tentaram reanima-lo sem sucesso e logo em seguida o SAMU chegou, mas já era tarde o cantor de apenas 39 anos já estava morto.

A família está abalada, principalmente o Pai que sempre acompanhou a carreira do filho. Frederico Santos estava noiva há 3 meses e não tinha filhos.

Senador Zequinha Marinho retira apoio a novo plebiscito sobre divisão do Pará

 | Roque de Sá/Agência Senado

O senador paraense Zequinha Marinho (PSC) entrou com uma solicitação no Senado Federal, na noite desta terça-feira (20), para retirar a assinatura de apoio ao projeto de decreto legislativo de autoria do senador Siqueira Campos (DEM-TO) que estabelece a realização de um novo plebiscito para criação do estado do Tapajós.

De acordo com o portal “O Estado Net”, Zequinha encaminhou ofício à Mesa Diretora do Senado tornando sem efeito sua assinatura ao projeto, que tem apoio do senador Paulo Rocha ( PT-PA). A informação foi confirmada pela assessoria de Marinho.

(DOL com informações do portal O Estado Net)

Deputado Chamonzinho diz governo Helder está construindo estradas na Calha Norte

 |

O deputado estadual Chamonzinho (MDB) rebateu as críticas do também parlamentar, deputado Júnior Hage (PDT) sobre a falta de construção de estradas na região oeste do Pará. A defesa foi feita na manhã desta quarta-feira (21) em pronunciamento na Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa).

Em seu discurso, o parlamentar, além de afirmar que existem obras em andamento e outras prontas para serem licitadas, listou exemplos, reforçou que é preciso ser responsável com a coisa pública e criticou o governo anterior que deixou uma herança negativa para o estado do Pará.

“Nós recebemos o Estado com um caos na segurança pública, na educação, na saúde, problemas graves nas Estradas, que já estão esburacadas. O [atual] Governo já recebeu esburacadas, apesar dos milhões gastos nas estradas do Pará [pelo anterior]”, critica.

Chamonzinho lista também algumas obras que foram iniciadas em julho deste ano e justifica que isso só foi possível devido ao inverno amazônico nos meses anteriores, que iriam prejudicar o andamento das obras.

“O governador não é mágico. O governador não tem a varinha de condão para resolver os problemas de um governo [passado] que deixou oito anos as estradas que estão aí acabadas. O meu município, por exemplo, também tem buraco, mas quem deixou? O governo anterior. O governador [atual] ia arrumar no inverno? Ele ia jogar o dinheiro fora”, justificou.

” Bolsonaro pede ajuda de empresários para que “velha esquerda” não volte à Argentina

Presidente Jair Bolsonaro pede que empresários ajudem Macri na Argentina| Foto: EVARISTO SA/AFP

O presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que quer ver argentinos no Brasil “como turistas, não como refugiados” em fala a empresários no Congresso Aço Brasil, que reúne executivos do setor siderúrgico. Ao comentar o resultado das prévias da eleição presidencial na Argentina, Bolsonaro disse que antes não poderia tomar posição como se fosse um cabo eleitoral de Mauricio Macri. “Mas só o fato das primárias ter dado uma margem grande de vitória da chapa de Alberto Fernández e Cristina Kirchner, e como o mercado reagiu, isso pode ser revertido”, disse.

Bolsonaro pediu aos empresários que “colaborem” para que a “velha esquerda” não volte à presidência na Argentina. “Se o caminho for apoiar o Macri, vamos apoiar. O que não pode é voltar a esquerda”, comentou.”

“Escola é invadida e alunos são apunhalados com golpes de machadinha no Rio Grande do Sul


Um adolescente de 16 anos invadiu uma escola estadual, e desferiu golpes com uma machadinha contra pelo menos seis alunos e uma professora, na cidade de Charqueadas, região metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. O agressor ainda carregava um galão de gasolina e teria tentado atear fogo na escola, mas conseguiu fugir após a ação. Cerca de uma hora depois, o menor foi apreendido.

As vítimas não correm risco de morte, segundo o Correio do Povo, da capital gaúcha. Os golpes teriam sido desferidos na cabeça, mãos, costas e pernas dos alunos. O governador do estado cancelou compromissos para acompanhar o caso da escola invadida no Rio Grande do Sul.”

‘Brasil não votou numa família’, diz Santos Cruz sobre filhos de Bolsonaro

Ex-ministro da Secretaria de Governo, o general da reserva Carlos Alberto dos Santos Cruz criticou a interferência de “extremistas” ideológicos no governo de Jair Bolsonaro (PSL). No auge da crise entre a ala militar do governo e os “olavistas”, o militar perdeu o cargo em junho no ministério após trocar farpas públicas com Olavo de Carvalho, o guru ideológico do presidente e de seus filhos.

Em entrevista à agência de notícias AFP, Santos Cruz também destacou a presença dos filhos de Bolsonaro no governo. “O presidente tem a personalidade dele e tem também filhos que são parlamentares em níveis diferentes [de governo], mas o Brasil não votou numa família, votou numa pessoa, então o presidente tem toda carga de responsabilidade”, afirmou.

Zequinha Marinho defende extensão da rodovia federal BR-222 até Novo Progresso no Pará

(Foto:Waldemir Barreto/Agência Senado)-  Segundo o senador, traçado passa por região com grande produção de gado nelore que não dispõe de meios adequados para escoar sua produção

O senador Zequinha Marinho (PSC-PA) defendeu nesta segunda-feira (12), em Plenário, a extensão da rodovia federal BR-222 que liga Fortaleza, no Ceará, à Marabá, no Pará. A projeto de lei (PL 2.449/2019) propõea continuidade da rodovia até a cidade de Novo Progresso (PA), passando por diversas comunidades do interior.

O parlamentar entende que esse projeto garantirá trafegabilidade na região e escoamento da produção. Para Zequinha, não há como se pensar em progresso e desenvolvimento sem pensar em infraestrutura, ou seja, transporte, energia e comunicação.

— Ninguém tem mais gado nelore naquela região do que nesse traçado. É altamente produtiva. Então, a gente precisa dar um mínimo de horizonte para essa população, para que ela possa pensar no futuro, se estruturar para trabalhar e para produzir — disse.

PRF apreende 160 cabeças de bois transportados de forma irregular em Altamira

O primeiro flagrante ocorreu quando os policiais abordaram um veículo de cor vermelha. Foi solicitado ao condutor que apresentasse as documentações obrigatórias para o transporte da carga viva, no entanto, apenas a Guia de Trânsito Animal (GTA) foi apresentava, na qual constava o transporte de 50 bovinos machos de 13 a 24 meses e 45 bovinos machos de 25 a 36 meses, contudo, em análise da carga, percebeu-se que não havia nenhum bovino, divergindo da guia de transporte apresentada.

O segundo flagrante ocorreu após abordagem a um veículo de cor preta. Durante a fiscalização, os policiais constataram que o condutor transportava carga animal e solicitaram a documentação compatível com a carga. Foram apresentadas aos agentes quatro Guias de Trânsito Animal, que registravam a existência 63 bois no veículo, porém, não houve a apresentação de nota fiscal, documento necessário para o transporte da carga, configurando assim a irregularidade.

Diante dos delitos de transportar mercadoria nacional sem nota fiscal e do transporte irregular de animal, foram lavrados termos circunstanciados de ocorrência pelos flagrantes para cada caso em específico, juntamente com a apreensão de 158 unidades de bois. Os condutores foram detidos pelos agentes e liberados após se comprometerem a comparecer em juízo quando convocados. A Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará) ficou responsável pelas notificações relativas ao transporte animal e, posteriormente, pelo encaminhamento dos quadrúpedes para abate sanitário.

Rreceita: Costela na panela de pressão

Imagem enviada por Glaylton Fernandes
  • INGREDIENTES
  • 1 kg de costela bovina (sem muita gordura)
  • 100 g de bacon sem pele
  • 6 cebolas grandes
  • pimenta-de-cheiro a gosto
  • sal a gosto
  1. Tempere a costela com pouco sal e reserve.
  2. Descasque as cebolas e corte em rodelas.
  3. Pegue a metade das cebolas e faça uma camada no fundo da panela de pressão.
  4. Coloque a costela em cima da camada de cebola e acrescente o bacon.
  5. Cubra a costela e o bacon com a outra metade das cebolas.
  6. Tampe a panela e leve em fogo médio, por 45 minutos ou até que o líquido dentro dela seque.
  7. Não é preciso colocar água, a cebola e a costela vão soltar muita água.

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

  • Para acompanhamento pode ser usado arroz branco , farofa ou mandioca, cai muito bem com uma cerveja geladinha.