Vento alcança segundo lugar na matriz energética do Brasil

Energia eólica transforma a paisagem da Chapada do Araripe — Foto: Reprodução/Rede Globo

Energia eólica transforma a paisagem da Chapada do Araripe — Foto: Reprodução/Rede Globo

O crescimento vertiginoso da energia eólica no Brasil foi responsável pela quebra de um recorde importante no mês passado. A força do vento ultrapassou em capacidade instalada a hidrelétrica de Itaipu, alcançando a vice-liderança no ranking da matriz elétrica do país, atrás apenas da hidroeletricidade. A informação obtida em primeira mão pelo blog leva em conta os dados apurados pela Associação Brasileira de Energia Eólica (ABBEólica) e Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

O que é um buraco negro, e por que há luz na primeira foto de um deles?

Simulação de como funciona um buraco negro visto a distância no espaço.  — Foto: Divulgação/Alma Observatory

Simulação de como funciona um buraco negro visto a distância no espaço. — Foto: Divulgação/Alma Observator

Um grupo de mais de 200 cientistas membros do projeto Event Horizon Telescope (EHT) divulgou na quarta-feira (10) a primeira imagem já registrada de um buraco negro. A descoberta, considerada sem precedentes, foi comentada por todo o mundo e muita gente se surpreendeu com o fato de que, na imagem, o buraco negro está rodeado de luz.

Para entender o fenômeno, o G1 ouviu um dos astrônomos envolvidos no projeto. O português Hugo Messias, que trabalha no Observatório Alma, no deserto do Atacama, no Chile, explicou que, na verdade, o buraco é de fato negro, e a luz que aparece na imagem vem de materiais que orbitam ao seu redor.

Mas, se não fosse por isso, a imagem que rodou o mundo nesta quarta sequer teria sido possível de obter.

INSS altera regras para prova de vida e renovação de senhas

Os serviços deverão ser previamente agendados por meio da Central 135 ou do Meu INSSOs serviços deverão ser previamente agendados por meio da Central 135 ou do Meu INSSMarcelo Camargo/Agência Brasil

Por Agência Brasil

Resolução do Ministério da Economia publicada hoje (26) no Diário Oficial da União altera as regras para prova de vida e renovação de senha de beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A partir desta terça-feira, os procedimentos podem ser executados por meio de atendimento eletrônico (com uso de biometria ou identificação por funcionário da instituição financeira pagadora) ou por meio de representante legal ou procurador cadastrado no INSS ou na instituição financeira.

Beneficiários com idade igual ou superior a 60 anos poderão solicitar a realização de prova de vida no INSS, sem prejuízo da possibilidade de comparecer à instituição financeira pagadora.

Tiros, invasão, negociação e retirada na fazenda Mutamba, em Marabá

Os invasores saíram do local depois que a Deca negociou a retirada da propriedade

 

A invasão da fazenda Mutamba, em Marabá – mais uma, aliás – por homens que tentam se apossar da propriedade, provocou um boletim de ocorrência policial e a ação da Delegacia de Conflitos Agrários (Deca), pois o clima era de nova ameaça de destruição de residências e de agressão física, segundo relata o proprietário, Sérgio Mutran. Após negociação, os invasores foram retirados.
Eles chegaram na sede da fazenda logo cedo, no sábado, com cerca de 60 pessoas, algumas armadas. Mutran conta que a segurança da fazenda, ao se aproximar do local onde eles ficam à noite, foi recebida a tiros e rojões de foguetes.
“Eles ficaram numa casa nos fundos, que é um retiro nosso, saqueando o imóvel e atirando no gado”, prossegue, acrescentando que a Deca, depois de acionada, não pode se deslocar para a área à noite por ser perigoso. A chegada dos policiais ocorreu ontem. A Deca explica que cumpriu seu papel, que era evitar um conflito. A saída foi pacífica. Foi explicado aos invasores que a área já tinha sido reintegrada judicialmente.
De acordo com a investigação, um dos líderes dos invasores é o dono de um açougue na região muito conhecido por roubar gado, fazer o abate e vender a carne. Outro, de apelido “Barrão”, possui diversas passagens pela polícia por furto. Mutran disse que para garantir a saída dos invasores ele cedeu o transporte.

Sobrinho de ex-prefeito do município morde bochecha de policial e acaba levando um tiro

Segundo informações da Polícia Militar de São Geraldo do Araguaia, no sul do Pará, o sobrinho de um ex-prefeito da cidade acabou agredindo com uma mordida um policial militar na madrugada deste domingo, 6.

O caso aconteceu durante uma operação fiscalizatória do Departamento Municipal de Trânsito Urbano (DMTU). Exaltados, Léo Costa e os amigos xingavam os agentes de trânsito e foi nesse momento que os trabalhadores acionaram a PM para conter os ânimos.

Quando os policiais chegaram ao local, Léo desacatou os militares e recebeu voz de prisão. Visivelmente embriagado, o homem resistiu à prisão e, ao sofrer uma tentativa de imobilização, mordeu a bochecha de um dos policiais.

Após a agressão sofrida, o soldado então sacou a arma e disparou contra a perna do homem. A Polícia Militar informou que o disparo só aconteceu por conta da desleal agressão sofrida.

O sobrinho do ex-prefeito foi encaminhado para a Delegacia. A Polícipr Civil informou que ele é um velho conhecido na cidade pela prática de agredir policiais.

Redenção ganha nova escola de ensino médio durante Governo por Todo o Pará

Educação foi a área priorizada em Redenção, no sul do Pará, pela agenda do programa Governo por Todo o Pará, iniciativa de descentralização da gestão estadual que leva para diferentes regiões do Estado, obras e serviços e dá voz às populações locais. A comitiva estadual chegou à cidade no fim da tarde da sexta-feira (5), depois de cumprir agenda em Marabá, Conceição do Araguaia e Bannach.

Em Redenção, o governador Helder Barbalho inaugurou a Escola Estadual de Ensino Médio Marcos Valério Barbosa, obra que recebeu investimentos de R$ 3.858 milhões do Plano de Ação Articulada do governo federal. A unidade de ensino tem 12 salas de aula e capacidade para receber 480 alunos. A estrutura dispõe ainda de uma quadra coberta (com vestiários masculinos e femininos), sala de educação física, auditório, bloco administrativo com dez salas, bloco com quatro laboratórios, biblioteca, refeitório coberto com cozinha, depósitos e banheiros masculino e feminino.

Campanha de vacinação contra a gripe começa quarta-feira (10) em todo o país

zoom_out_map
 Agência Brasil

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe começa na próxima quarta-feira (10) em todo o país. De acordo com o Ministério da Saúde, a imunização, este ano, foi antecipada em cerca de 15 dias em relação aos anos anteriores, quando a campanha teve início na segunda quinzena de abril.

Nesta primeira fase, serão priorizadas crianças com idade entre 1 ano e 6 anos, grávidas em qualquer período gestacional e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto). A escolha, segundo o ministério, foi feita por causa da maior vulnerabilidade do grupo.

A partir de 22 de abril, todo o público-alvo da campanha poderá receber a dose, incluindo trabalhadores da saúde, povos indígenas, idosos, professores de escolas públicas e privadas, pessoas com comorbidades e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, funcionários do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). A definição, de acordo com o ministério, também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente o vírus da gripe. A meta é imunizar pelo menos 90% dos grupos elegíveis para vacinação.

Otimismo do brasileiro com economia cai após posse de Bolsonaro, diz Datafolha

REUTERS / Adriano Machado

O percentual de brasileiros que acreditam que a situação econômica do país irá melhorar nos próximos meses caiu de 65 por cento em dezembro para 50 por cento este mês, enquanto aqueles que acreditam em uma piora do cenário passaram de 9 por cento para 18 por cento, segundo pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira.

O levantamento, o primeiro sobre expectativa da população sobre a economia após a posse do presidente Jair Bolsonaro, marca uma inédita piora nesse tipo de expectativa no início de um primeiro mandato presidencial desde o início da série histórica, em dezembro de 1997, de acordo com o jornal Folha de S.Paulo.

A pesquisa também apontou que os brasileiros estão menos otimistas com sua própria situação econômica. Segundo o levantamento, 59 por cento confiam em uma melhora, ante 67 por cento em dezembro, e 11 por cento preveem uma piora, contra 6 por cento no levantamento passado.

O Datafolha ouviu 2.086 brasileiros com 16 anos ou mais, em 130 municípios, nos dias 2 e 3 de abril. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, de acordo com a Folha.

Em Curionópolis, no sudeste do Pará, lama e buraco atrapalham tráfego de veículos

Há mais de uma semana os motoristas de caminhões que levam minério de manganês estão parados esperando para passar em vias da cidade de Curionópolis, no sudeste do Pará. A lama causa atoleiros em um trecho de cerca de 8 km de uma estrada de chão batido que dá acesso ao antigo garimpo de Serra Pelada e a outros projetos minerais. E na PA-275, é um buraco que atrapalha os motoristas.

A prefeitura de Curionópolis informou que tem feito ações de manutenção na vicinal de Serra Pelada ao longo de todo o ano, mas no inverno amazônico, com as elevadas taxas de chuva e o grande fluxo de caminhões carregados de minérios, não é possível impedir a destruição da pista.

Por isso, mineradoras e a Prefeitura decidiram fazer um acordo para manter a trafegabilidade da estrada, mas o serviço só pode ser realizado após o período chuvoso.

E na PA-275, entre as cidades de Parauapebas e Curionópolis, as fortes chuvas obrigam os motoristas a reduzir a velocidade. Na última quinta-feira (4), o tráfego chegou a ser interrompido para realização de obras, mas o serviço ainda não foi concluído.

Buscas não encontram carros nem vítimas após queda de ponte no Pará; trabalho seguirá nesta segunda

Nenhum carro ou vítima foi encontrada no segundo dia de buscas por possíveis vítimas da queda de uma ponte da Alça Viária, no nordeste do Pará, neste domingo (7), segundo a assessoria de imprensa do governo do Pará. As buscas serão retomadas na manhã desta segunda (8).

O acidente aconteceu na madrugada do último sábado (6), quando uma balsa bateu na ponte. De acordo com o governo do estado, os trabalhos serão mantidos até que eventuais vítimas sejam localizadas. Ainda não está claro se de fato alguma pessoa ou carro caiu na água no momento da colisão.

Duas testemunhas disseram ter ouvido gritos de socorro e ao menos um carro caindo no rio Moju.

Ainda de acordo com o governo do Pará, nenhum familiar procurou por eventuais desaparecidos até domingo.

A ponte está localizada no quilômetro 48 da rodovia estadual PA-483 e liga a Região Metropolitana de Belém ao Nordeste do Estado do Pará.