Farras, suspensões, contusões. Neymar vale R$ 316 milhões menos

Instituto suíço faz análise fria e chega à desvalorização. Carreira mal administrada

Instituto suíço faz análise fria e chega à desvalorização. Carreira mal administrada

Reprodução/Instagram

São Paulo, Brasil

Os dois anos de fracasso internacional no PSG. Péssima Copa da Rússia, com consequência ser ridicularizado no mundo pelas simulações.

As farras no Brasil na recuperação das duas fraturas no quinto metatarso.

Decepção nas duas Champions League.

Suspensão por escrever bobagens contra árbitros nas redes sociais.

Soco no rosto de torcedor francês.

Acusação de estupro e agressão.

Com direito a vídeo gravado e divulgado em todo planeta.

Neymar teve uma enorme desvalorização, de acordo com o CIES Football Observatory, instituto criado em parceria entre a Fifa e a Universidade de Neuchâtel, que fica na Suíça.

Óleo de pequi do Xingu vence prêmio da ONU para desenvolvimento sustentável

yaiku-suya-khïsêtjê-biofach-xingu_v1 (Foto: Vinicius Galera/Ed. Globo)

O óleo de pequi produzido pela Associação Indígena Khīsêtjê (pronuncia-se “kinsêdje”), do Parque Indígena do Xingu, foi um dos vencedores do Prêmio Equatorial 2019, concedido pela ONU a cada dois anos para “soluções locais e indígenas de desenvolvimento sustentável”.

A premiação, divulgada na última quarta-feira (5/6), teve mais de 847 inscritos de 127 países. Apenas 22 associações e comunidades foram vencedoras. O prêmio, que deverá ser entregue aos Khīsêtjê em uma cerimônia a ser realizada em Nova York em setembro, tem o valor de US$ 10.000,00.

Vaca nelore contraria probabilidade e dá à luz trigêmeos no interior de MS

boi-vaca-trigêmeos-bezerros-ms (Foto: Foto: Fazenda São João do Pontal)

Contrariando todas as probabilidades genéticas, uma vaca da raça nelore deu à luz a três bezerros de uma só vez, em Alcinópolis (MS), cidade distante 379 km da capital Campo Grande. Os trigêmeos são resultado de inseminação artificial com sêmen de touro da raça angus, o que lhes conferiu coloração escura, diferente da mãe que é de cor branca.

Na Fazenda São João do Pontal, onde nasceram há nove meses, as crias chamaram a atenção porque ao longo dos 19 anos de atividade do local nunca se viu nada parecido. São duas fêmeas e um macho nascidos no criatório de gado de corte.

Com mais de 30 anos de tradição, cavalgada de Araguaína atraiu milhares de pessoas

A cavalgada de Araguaína completou 31 anos de tradição. Neste domingo (9), cavaleiros e amazonas de várias partes do estado tomam as ruas da cidade. A organização acha que atraiu cerca de 100 mil pessoas, entre participantes e moradores que vão para as ruas acompanhar de perto o desfile.

Do total, 57 comitivas e mais de 5,7 mil animais tomaram as ruas do município. Todos os anos os moradores montam tendas e barracas para ver os cavaleiros e amazonas desfilarem.

O diretor de cavalgada Naim Halum informou que os organizadores fizeram uma campanha para que os cavaleiros e amazonas preservassem a saúde e integridade física dos animais.

Maçonaria realiza bingo beneficente

A Loja Macônica União e Fraternidade Xinguarense, em apoio às Damas da Fraternidade, realizou no domingo (09), bingo beneficente de uma motocicleta e de várias cabeças de gado. O objetivo foi de angariar recursos para a realização do programa de atendimento a crianças excepcionais de Xinguara, que a entidade realiza uma vez por ano.

Governo do Pará lança o Programa Territórios pela Paz (TerPaz)

Nesta segunda-feira (10), o governador Helder Barbalho assina o decreto de criação do programa Territórios Pela Paz, um amplo esforço do Governo Estadual para a diminuição da vulnerabilidade social e o enfrentamento das dinâmicas da violência, a partir da articulação de ações de segurança pública e ações de cidadania em sete bairros da Grande Belém: Guamá, Jurunas, Terra Firme, Benguí e Cabanagem (Belém), Icuí (Ananindeua) e Nova União (Marituba). A Cabanagem será o primeiro território a receber ações do Programa

A ideia é investir em infraestrutura urbana e nas políticas públicas como habitação, educação, saúde, esporte, cultura, lazer, entre outras, para garantir uma vida digna às pessoas, possibilitando o desenvolvimento humano dos territórios. Além disso, estabelecer novos parâmetros de atuação policial com vistas à redução da violência armada, especialmente da violência letal e a regulação pacífica dos conflitos no interior das áreas atendidas, orientada por padrões não-violentos de sociabilidade e por uma cidadania sem tutela.

Justiça condena Igreja Universal por esterilização de pastores

o ex-pastor acusa a Universal. foto de Zanone Fraissat/Folhapress

A Igreja Universal do Reino de Deus responde a ações judiciais movidas por ex-pastores que afirmam ter sido forçados ou pressionados pela instituição religiosa a fazer vasectomia. A prática, segundo eles contam, garante o ingresso, a permanência ou a ascensão nos quadros da igreja.
As alegações e os relatos dos religiosos são similares, segundo matéria deste domingo, 9, do jornal “Folha de São Paulo”. Eles apontam a esterilização como uma espécie de política de recursos humanos. Sem filhos, os ex-pastores dizem que teriam mais disponibilidade para mudar de cidade a mando da igreja, uma vez que a instituição custeia a família dos religiosos.
A Universal nega que imponha a vasectomia, diz que saiu vencedora de processos ajuizados contra a igreja e afirma que estimula o planejamento familiar dos casais. Processos são movidos na Justiça do Trabalho, na qual a Universal já foi condenada em primeira e segunda instâncias em diferentes casos. Há, ainda, uma condenação no TST (Tribunal Superior do Trabalho).
No caso mais recente apreciado pela Justiça, o TRT-2 (Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo) condenou a Universal, em segunda instância, a pagar R$ 115 mil em indenização por danos morais e materiais ao ex-pastor Clarindo de Oliveira, 44. Ele prestou serviços à instituição religiosa entre 1994 e 2010 em templos no Brasil e em Honduras.

Homem tem língua arrancada por médica após tentativa de estupro durante consulta

Uma médica reagiu a um ataque sexual dentro do hospital e acabou arrancando grande parte da língua do agressor com os próprios dentes. O caso aconteceu na cidade de Bloemfontein, na África do Sul.

Segundo a imprensa do país, a profissional de 24 anos – que não teve o nome divulgado – se preparava para atender o homem quando tudo aconteceuu.

Após entrar como paciente no consultório do hospital, o suspeito de 32 anos a segurou pelos braços, logo em seguida a beijando a força. A jovem médica reagiu mordendo sua língua, que ficou parcialmente decepada.  Após o ocorrido, o hospital comunicou as outras unidades de saúde que ficaram alertas ao suspeito.

Caso Neymar: Najila deve entregar celular à Polícia Civil nesta segunda

ajila Trindade, que acusou o atacante Neymar de estupro, pode desmembrar o caso ainda mais nesta semana. Em depoimento realizado à Polícia Civil na última sexta-feira, a modelo afirmou que vai entregar o celular à delegada Juliana Bussacos na segunda-feira, quando haverá mais depoimentos. A informação foi publicada inicialmente pelo UOL.

Ela já ressaltou que seu advogado, Danilo Garcia de Andrade não tem o conhecimento sobre as conversas gravadas no celular. Ele também deixou claro que se Najila não entregar o celular durante a semana, irá abandonar o caso.

O caso tomará novos rumos nesta semana. A advogada de Neymar, Maíra Fernandes salientou que o jogador vai depor no decorrer desta semana, sem dia marcado. Isto vai acontecer na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher.

Execução de advogado foi feita por pistoleiros, diz OAB Pará

Reprodução

O advogado João Vieira Bezerra foi assassinado na porta da casa dele, em Novo Repartimento, município do sudeste paraense, por volta das 22 horas de sábado (8). Ele foi morto a tiros. As primeiras informações indicam que dois homens, que estavam em uma moto, executaram o advogado, que era conhecido como “João do Trevo”. A motivação do assassinato é desconhecida.

Neste domingo (9), a Ordem dos Advogados do Brasil, seção Pará, divulgou nota sobre a execução. “É com profundo pesar que a Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Pará, comunica o falecimento do advogado João Vieira Bezerra, assassinado a tiros por pistoleiros na porta de sua residência, na noite do último sábado (8), em Novo Repartimento. Formado em Direito pela Faculdade Gamaliel, em Tucuruí, o profissional militava em Novo Repartimento, município onde também atuava como construtor. De acordo com informações apuradas pela Polícia Civil, os disparos foram efetuados por homens que estavam em uma motocicleta”, informa o comunicado.

Diz ainda a Ordem que, “neste momento de dor e consternação, o presidente da OAB no Pará , Alberto Campos, em nome do Conselho Seccional e de todos os advogados paraenses, expressa condolências aos familiares e amigos do advogado, mais uma vítima da desenfreada onda de violência que assola o Pará. Diretores da OAB-PA, da Comissão de Defesa de Direitos e Prerrogativas e da subseção da OAB em Tucuruí, cuja jurisdição abrange aquela região, acionaram as autoridades competentes para cobrar providências, principalmente o secretário de Segurança Pública e Defesa Social do Estado, Ualame Machado”.

Equipes da Superintendência da Polícia Civil da Pará em Tucuruí e do NAI (Núcleo de Apoio à Investigação) encontram-se em Novo Repartimento desde a noite de sábado com a finalidade de elucidar o crime. “Ao atender solicitação da OAB-PA, a Segup reforçou o efetivo de policiais no município para fortalecer o trabalho de investigação. Presidente da subseccional de Tucuruí, Iriel Batista está em Novo Repartimento para acompanhar as investigações ao lado do vice-presidente Ezequiel Mendes. Com mais este episódio lamentável de violação da principal prerrogativa do ser humano, que é a vida, a OAB-PA não medirá esforços para que o caso seja esclarecido e os responsáveis punidos exemplarmente”, acrescentou a nota.