Álcool causa uma a cada 20 mortes no mundo, mas consumo diminui no Brasil

A ingestão de bebida alcoólica tem causado um número expressivo de mortes no planeta, alerta a Organização Mundial da Saúde (OMS). Segundo relatório da agência, o álcool é responsável por cerca de 3 milhões de mortes anualmente, o equivalente a uma a cada 20. A quantidade é maior que a soma dos óbitos em decorrência da Aids, da tuberculose e da violência no mesmo período.

“Muitas pessoas – suas famílias e suas comunidades – sofrem as consequências do consumo nocivo do álcool, seja pela violência, por problemas de saúde mental e por doenças como câncer e derrame”, advertiu o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em um comunicado. “É hora de fazer mais para prevenir essa séria ameaça ao desenvolvimento de sociedades saudáveis”, acrescentou.

Propaganda eleitoral no rádio e na TV começa nesta sexta (12)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou nesta quinta-feira (11) o plano de mídia para a campanha eleitoral do segundo turno, que detalha a exibição da propaganda no rádio e na TV dos candidatos à Presidência da República. Os programas começam a ser exibidos nesta sexta (12) e vão até o dia 26 de outubro, antevéspera da votação.

O primeiro a aparecer será Jair Bolsonaro (PSL), por ter obtido mais votos no primeiro turno. Depois, será a vez de Fernando Haddad (PT), segundo colocado.

A cada dia, a ordem das propagandas será alternada. Ou seja, no segundo dia, sábado (13), Haddad aparece primeiro, seguido de Bolsonaro. Cada um terá direito a dois programas de cinco minutos por dia, de segunda a sábado, no rádio e na TV.

No rádio, a propaganda será transmitida às 7h e às 12h. Na TV, às 13h e às 20h30.

Manifesto religioso a favor de Haddad

Vários movimentos religiosos se uniram para criar o Manifesto contra a Barbárie e a favor da candidatura de Fernando Haddad. O documento, divulgado nesta quinta, 11, é assinado por grupos como Judeus contra Bolsonaro, Articulação Judaica, Movimento Nossa Voz (SP), Igreja Anglicana Latino Americana (MG), Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito Abrahamicos Unidos (RJ), Mesquita Sumayyah Bint Khayyat – Embu das Artes-SP, entre outros.

OAB reúne advogados para lançar chapas estadual e regional

Foi realizado nesta quarta-feira (10/10), às 20 horas, em uma das dependências de eventos do Bravos Hotel, o lançamento das chapas da OAB de Xinguara e da Seccional do Pará, para fins de apresentar aos advogados as duas chapas compostas pelas Diretorias e Conselheiros

A chapa que concorre à Subseção de Xinguara é formada pelos seguintes membros da OAB local: Presidente: Evandro Marcelino Santana (Cacau), Vice-Presidente: Nilton Gomes Carneiro, Secretária Geral: Laylla Silva Maia, Secretária Geral Adjunta: Tatiane Rezende Moura, Diretora Tesoureira: Flaviane Candida Pereira, Conselheiros Subseccionais Titulares: Mariana Milza Pereira Passos e Gustavo Peres Ribeiro, Conselheiros Subseccionais Suplentes: Lucenilda de Abreu Almeida e Clayton Carvalho da Silva.

Já a chapa da Subseccional do Pará tem os seguintes nomes: Presidente: Alberto Campos, Vice-presidente: Cristina Silvia Abreu Lourenço. Secretário Geral: Eduardo Imbiriba de Castro, Secretário Geral Adjunto: Antônio Cândido Barra Monteiro de Brito, Tesoureiro: André Luiz Serrão Pinheiro, Conselheiros Federais titulares: Afonso Marcius Vaz Lobato, Bruno Meneses Coelho de Souza e Jader Kahwage David, Conselheiros Federais Suplentes: José Ronaldo Dias Campos, Luiz Sérgio Pinheiro filho e Olavo Câmara de Oliveira Júnior.

Vários advogados fizeram uso da palavra para enaltecer, principalmente, o trabalho da atual diretoria da OAB de Xinguara que tem a frente Cícero Sales como presidente, a 6 anos no cargo. O próprio Cicero falou das dificuldades de sua estão, mas lembrou que os avanços foram fundamentais para uma instituição mais forte e mais respeitada, tanto a nível de estado como regional.

O candidato a presidente, Dr. Cacau, cobrou do presidente da Subseccional do Pará, Dr. Alberto Campos, que estava presente ao evento, mais apoio e fortalecimento para a defesa das prerrogativas dos advogados que compõem a seccional de Xinguara. Cacau pediu publicamente que os compromisso ali assinados por Alberto Campos, sejam cumpridos literalmente para que a sua futura gestão não seja inviabilizada por falta de apoio.

Bastante solícito com os pedidos, Alberto Campos garantiu que as propostas apresentadas a ele, pela futura diretoria de Xinguara, são viáveis e necessárias para a prestação jurisdicional local, e que fará de tudo para honrá-los.

A eleição da nova diretoria da OAB de Xinguara, está marcada para o dia 28 de novembro próximo.

Os advogados Cícero Sales e Rone Messias vão fazer parte do Conselho Regional e a advogada Regina Zarpellon membro do Tribunal de Ética da OAB Subseccional Pará.

PM encontrado morto era do batalhão de Xinguara

Por: ORM

Desaparecido desde a noite do último sábado (6), o soldado Maurício, lotado no 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM), de Xinguara, foi encontrado morto na manhã de terça-feira (9), às margens da rodovia BR-155, à caminho de Conceição do Araguaia. Pelo jeito que foi encontrado, tudo indica que o soldado, natural do Mato Grosso do Sul, tenha sofrido um acidente de trânsito e morrido no local.

Segundo o tenente-coronel Keythson, comandante do 17º BPM, o soldado morava em Xinguara e tinha uma companheira em Conceição do Araguaia, e ele sempre fazia esse percurso de cerca de 210 quilômetros em sua motocicleta para visitá-la. Ele estava de serviço na sexta (5) a noite e no sábado (6), como estava de folga, saiu pela manhã, por volta de 8h, para fazer uma visita à mulher na outra cidade.

Antes de desaparecer, o soldado teria ligado para um colega e perguntado sobre um local onde vendesse flores, pois queria fazer uma surpresa para a companheira. Quando ele não chegou ao município de Conceição do Araguaia e nem retornou para seu posto de trabalho no domingo, amigos e colegas de trabalho de Maurício se mobilizaram e começaram campanhas nas redes sociais, na tentativa de localizá-lo.

Foi a companheira do soldado que repassou a informação de não teria tido mais tido contato com o Maurício para seus colegas do 17º BPM, dizendo que a última vez que Maurício usou o telefone foi no sábado de manhã. Na segunda-feira (8), viaturas das cidades ao longo da BR-155 passaram a procurar por ele, com o apoio de um helicóptero. Os policiais falaram ainda com vizinhos, que disseram que o soldado estava bem quando saiu de casa, se preparando para a viagem.

Na manhã de terça, as buscas localizaram o corpo do soldado Maurício ainda ao lado de sua motocicleta, no Km-45 da rodovia, próximo ao acesso ao município de Bannach. Ele bateu em uma árvore, e o modo como foi encontrado leva a crer que ele tenha sofrido um acidente. O Instituo Médico Legal (IML) já removeu o corpo e deve dar mais explicações sobre a morte do militar.

Polícia encontra ossada humana em matagal às margens da BR-155

Por: Pará News

A Polícia Civil de Redenção recebeu uma denúncia anônima na tarde da última segunda-feira (2), dando conta da existência de uma ossada humana, em um matagal próximo ao antigo posto rodoviário da Polícia Rodoviária Federal. “Era por volta das 15h, quando a Polícia Civil foi informada da existência desse corpo. Rapidamente nossa equipe se deslocou até o local, onde constatamos a veracidade da informação e avisamos o Centro de Perícias Científicas para colher os materiais”, disse o delegado que está à frente do caso, Luciano Freitas.

Na manhã desta terça-feira (9), uma equipe de peritos do Instituto Renato Chaves, de Marabá, esteve em Redenção para remover os restos mortais a fim de periciar e determinar a provável causa da morte. A ossada humana foi encontrada nas proximidades de uma mata, as às margens da Rodovia BR-155, a 6 km de Redenção, saída para Pau D’Arco.

O delegado Luciano Freitas disse que quem tiver pessoas desaparecidas na família deve procurar a Delegacia de Polícia Civil para Registrar Boletim de Ocorrência. “É importante ajudar a polícia, ajudar os peritos, pois logo sai o laudo com as informações”, explicou ele

.A vítima não possuía documentos de identificação, vestia short xadrez, azul e branco e camisa da mesma cor e calçava chinelos azuis.

Instituições devem ficar atentas a retrocessos, diz Marco Aurélio, que vê risco de ditadura

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, disse que vê o risco de ditadura no Brasil, seja de esquerda ou de direita, neste momento de polarização política. Em entrevista exclusiva ontem à noite à TV Brasil, Mello falou à jornalista Roseann Kennedy, que as instituições devem ficar atentas para inviabilizar qualquer tentativa de retrocesso.

“O risco [de ditadura] eu sempre vejo. Porque, certa feita, eu li um livro A Marcha da Insensatez, a história se repete. E, evidentemente, temos que estar atentos aos contornos. Claro que, eleito este ou aquele candidato, ele perceberá que precisa, por exemplo, do Congresso Nacional para governar. Perceberá que, estando na cadeira mais importante da República, deverá dar um exemplo em termos de observância da ordem jurídica”, declarou Mello.

As mudanças na Assembleia Legislativa do Pará

Por: Franssinete
As bancadas na Alepa abriram um leque e agora abrigarão novos partidos, como PSL, PHS, PMN, PSOl e Solidariedade. O MDB tinha oito deputados e o PSDB, seis. Agora o MDB tem seis e o PSDB, cinco. O DEM manteve três mandatos, assim como o PT, o PSD e o PR.
Há três delegados de polícia eleitos: Delegado Caveira (PP), Delegado Nilton Neves (PSL) e Delegado Toni Cunha (PTB), este da Polícia Federal e atual vice-prefeito de Marabá.
Foram reeleitos: Cilene Couto, Renato Ogawa, Dirceu Ten Caten, Thiago Araújo, Miro Sanova, Bordalo, Raimundo Santos, Júnior Hage, Eliel Faustino, Luth Rebelo, Hilton Aguiar, Eraldo Pimenta, Martinho Carmona, Ana Cunha, Chicão, Iran Lima, Dr. Wanderlan, Antonio Tonheiro (PR) e Jaques Neves.
Não conseguiram a reeleição Fernando Coimbra, Divino, Coronel Neil, Mílton Campos, Ozório Juvenil, Scaff, Soldado Tércio, Haroldo Martins, Lélio Costa e Gesmar Costa.
Júnior Ferrari, Celso Sabino, Cássio Andrade, Olival Marques, Eduardo Costa e Aírton Faleiro se elegeram deputados federais.
Márcio Miranda é candidato ao Governo do Pará e Sidney Rosa pleiteou o Senado, sem sucesso. Eliane Lima não se recandidatou, em favor de seu marido Sancler Ferreira, mas ele não conseguiu se eleger. Belo abriu mão de sua vaga e elegeu sua mulher, Diana. Chamon e Sefer não se recandidataram e elegeram seus respectivos filhos, Chamonzinho e Gustavo Sefer.

Confira a agenda dos candidatos a governo do Pará, nesta quarta-feira (10)

HELDER BARBALHO (MDB):

08h – Caminhada na Feira do Conjunto Providência – Concentração: Av. Sul com Rua 17 – Bairro de Val-de -Cans (próximo a associação dos Moradores do Promorar)

15h – Gravação de programa de TV e rádio

MÁRCIO MIRANDA (DEM):

16h – Caminhada na Terra Firme – Concentração: Avenida São Domingos com Passagem Nossa Senhora das Graças

19h – Reunião com Militância – Local: Associação Nipo Brasileira – Tv 14 de Abril entre Magalhães Barata e Governador José Malcher