Agências bancárias só voltam a abrir na quarta-feira às 12h

Esta sexta-feira (1º), véspera de feriado prolongado de carnaval, é o último dia de funcionamento normal dos bancos. A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) informa que as agências bancárias estarão fechadas para atendimento ao público na segunda-feira (4) e na terça-feira (5). Na quarta-feira de cinzas (6), os bancos abrirão a partir do meio-dia, com exceção do estado do Rio de Janeiro no qual, em função da Lei 8217 que estabelece feriado estadual, não há expediente em 6 de março.

LUTO Neto do ex-presidente Lula morre de meningite

Morreu na tarde desta sexta-feira (1) o neto do ex-presidente Lula, em Santo André, no ABC Paulista.

Arthur Araújo Lula da Silva, tinha sete anos de idade e estava internado no Hospital Bartira, do grupo D’Or.

De acordo com informações do colunista Ancelmo Gois, Arthur já chegou ao hospital com febre alta. E foi diagnosticado com um quadro infeccioso de meningite meningocócica. O garoto não resistiu e morreu.
Arthur era filho de Sandro Luis Lula da Silva, filho do ex-presidente e da ex-primeira-dama Marisa Letícia e Marlene Araújo Lula da Silva.

“Chupa Cabra” é preso por roubo a caixas eletrônicos em Marabá

Ascom - Polícia Civil

Nesta sexta-feira (1), a Polícia Civil de Marabá, sul do Estado, prendeu Fernando da Silva Fernandes, que é acusado de integrar uma quadrilha que roubava dinheiro de agências bancárias, pela modalidade “chupa cabra”.

A prática criminosa “chupa cabra” é aquela na qual golpistas usam meios e ferramentas ilícitas para puxar envelopes depositados pelos clientes em caixas eletrônicos.

Golpistas retiravam envelopes depositados em caixas em Marabá   (Ary Souza)

Pinças, linhas e outros métodos são usados para retirar os envelopes guardados pelos caixas e roubar as somas depositadas – antes que sejam devidamernte recolhidas pelos funcionários dos bancos.

Diretoria da OAB toma posse para o triênio 2019/2021

A OAB Xinguara realizou na noite desta quinta-feira (28/02), na sede da Aciapa, a posse de sua diretoria para o triênio 2019/2021, em que esteve presente o presidente da OAB Pará, Alberto Campos e outras dezenas de convidados especiais que abrilhantaram ainda mais este momento de transição da OAB local.

Em todos os discursos proferidos, tanto pela diretoria passada, quanto pela que foi empossa, mostrou um pouco da grandeza e organização da OAB Xinguara, uma das mais atuante do interior do Pará, sendo respeitada e consagrada pelo que vem produzindo em favor dos advogados e da sociedade xinguarense.

Assumiu a presidência da OAB Xinguara, o eminente advogado, Dr. Evandro Marcelino Santana (Cacau), que assumiu o cargo no lugar do Dr. Cícero Salas que governou a oab por dois mandatos consecutivos. Os demais membros da diretoria que tomaram posse são: vice-presidente: Nilton Gomes Carneiro, secretária geral: Laylla Silva Maia, secretária geral Adjunta: Tatiane Rezende Moura, diretora tesoureira: Flaviane Candida Pereira, conselheiros subseccionais Titulares: Mariana Milza Pereira Passos e Gustavo Peres Ribeiro, conselheiros subseccionais Suplentes: Lucenilda de Abreu Almeida e Clayton Carvalho da Silva.

Convém destacar que o evento de posse de Evandro e sua diretoria foi bastante prestigiada, não só por convidados e autoridades, mas também pelos advogados e seus familiares que compareceram em grande número à solenidade, lotando o salão nobre da Aciapa.

Linhão Manaus-Boa Vista agora é ‘estratégico’

O Conselho de Defesa Nacional, vinculado ao Gabinete de Segurança Institucional, definiu que a linha de transmissão que vai ligar as cidades de Manaus e Boa Vista, é uma “alternativa energética estratégia para a soberania e defesa nacional”, o que vai permitir que a obra seja realizada “independentemente de consulta às comunidades indígenas envolvidas ou à Funai”, informa o Estadão. Roraima é o único Estado brasileiro que não faz parte do Sistema Interligado Nacional (SIN). O abastecimento se dá por meio de linhas de transmissão que saem da Venezuela e por termoelétricas a diesel.

O governo federal se baseou em salvaguarda do ex-ministro do STF Menezes Direito, segundo a qual o usufruto dos índios não se sobrepõe ao interesse da política de defesa nacional, como instalação de bases militares, expansão da malha viária e exploração de alternativas energéticas. O voto de Direito, em 2009, dizia respeito à demarcação das terras indígenas na Raposa Serra do Sol. Já em 2013, o STF reconheceu que a decisão só se aplicava ao processo específico. Por isso, a decisão da gestão Bolsonaro agora é polêmica.

Mineração em Serra Pelada pode ser retomada

A exploração do ouro em Serra Pelada, distrito de Curionópolis, no sul do Pará, pode ser retomada. A canadense Annapurna mostrou interesse em investir na mineração na região. O assunto foi levado ao deputado Eliel Faustino, que é vice-presidente da Comissão de Meio Ambiente, Mineração, Geologia e Energia da Alepa, pelo prefeito Adonei Aguiar, o presidente da Câmara Municipal, Raimundo da Silva (Nonato Maranhense) e os vereadores Wilson Ferreira, Junior Brito e Paulo Higino. Eliel vai acompanhar de perto a instalação da empresa e já agendou novas reuniões para discutir questões ambientais, sociais, técnicas e jurídicas com os segmentos envolvidos e órgãos municipais e estaduais, e quer que a mineradora debata com a sociedade os desdobramentos da operação para a economia do Estado.

Bolsonaro é denunciado por improbidade e peculato no caso Queiroz

O procurador Carlos Henrique Martins de Lima, do Distrito Federal, denunciou Jair Bolsonaro à Procuradoria-Geral da República (PGR) por suspeita de improbidade administrativa e peculato. O despacho indica que o gabinete de Bolsonaro na Câmara empregou a ex-assessora Nathália Melo de Queiroz como funcionária fantasma. Nathália, filha de Fabrício Queiroz, estava lotada no gabinete de Bolsonaro na Câmara dos Deputados enquanto trabalhava como personal trainer no Rio de Janeiro em horário comercial.

A reportagem do jornal O Estado de S. Paulo reitera que “a funcionária em questão é filha do motorista Fabrício Queiroz, que foi assessor do senador Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), quando o filho do presidente era deputado estadual. O motorista, por sua vez, é investigado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro por movimentações financeiras atípicas, identificadas pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). O gabinete de Bolsonaro atestou a frequência de Nathália em Brasília.”

Jader Barbalho atua para liberar recursos aos municípios paraenses

Estados e municípios exportadores iniciaram o ano fiscal de 2019 com um rombo em suas receitas: diferentemente do que vinha sendo feito em exercícios anteriores, neste ano não houve o repasse do Fundo de Auxílio aos Estados e Municípios Exportadores (FEX), referente ao exercício de 2018. Para muitos gestores o FEX é um complemento vital para a saúde financeira da Prefeitura. Preocupado com a situação e atendendo apelo de vários prefeitos paraenses, o senador Jader Barbalho (MDB) interveio junto à Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal, onde está parado o projeto de lei que dispõe sobre a liberação do Fundo.

Apresentador Fernando Rocha pede aumento, Globo não aceita e o demite

Fernando Rocha

O clima de tensão nos estúdios da Globo não param! Divulgado pelo jornalista Daniel Castro na manhã desta quarta-feira, 27, o apresentador do programa Bem EstarFernando Rocha, deixará a emissora após seu pedido de aumento de salário não ter sido aceito pela empresa.

Procurada, a Comunicação da Globo confirmou o encerramento do vínculo de trabalho com o jornalista e o fim de seu contrato em agosto deste ano. Fernando também entra de férias hoje e não retornará ao programa. Mariana Ferrão irá apresentar sozinha, já que o colega não será substituído.

A assessoria do apresentador preferiu não se manifestar sobre o ocorrido. Entretanto, o comunicador publicou uma foto em sua rede social, na última terça-feira, 26, com uma leve indireta sobre o desligamento da emissora

Líder do Governo quer regional no Marajó

O líder do governo na Alepa, deputado Francisco Melo,  o Chicão, apoia a criação do Centro Regional do Governo do Marajó, com sede no município de Breves. Projeto de indicação do deputado Luth Rebelo nesse sentido teve parecer favorável da Comissão de Constituição e Justiça. Chicão salientou o abandono secular da população marajoara e a necessidade da presença efetiva dos órgãos públicos estaduais no arquipélago. Hoje, em plenário, o deputado lembrou que o governador Helder Barbalho já anunciou que vai transferir em março a sede do governo para Marabá e pretende fazer o mesmo nas demais regiões do Pará.