Home / Sem categoria / Refém de assalto a banco em Cametá relata extrema violência dos bandidos

Refém de assalto a banco em Cametá relata extrema violência dos bandidos

A vítima foi liberada após os bandidos empreenderem fuga pelo rio A vítima foi liberada após os bandidos empreenderem fuga pelo rio | Reprodução Ouça esta reportagem 

Oassalto na modalidade “vapor” ou “novo cangaço”, ocorrido no final da noite de terça-feira (1º) e madrugada desta quarta-feira (2), no município de Cametá, região do Baixo Tocantins, nordeste paraense, teve além do roubo de valores, tiros e pânico com muitos moradores feitos reféns durante a ação. Uma das vítimas relata os momentos de extrema violência e medo que sofreu nas mãos dos bandidos.

Em um vídeo gravado, o homem conta que os reféns foram bastante machucados pelos bandidos que os fizeram de escudo humano enquanto empreendiam fuga.

PRAÇA LOTADA

De acordo com testemunhas, no momento da invasão, a praça principal de Cametá, que é usada como área de lazer pela população, estava cheia em razão do jogo do Flamengo pela Copa Libertadores e isso pode ter facilitado a ação dos criminosos.

“Amiga estamos em pânico. Eles chegaram pelos rios já atirando, chegando na praça pegaram muitos reféns. Tanto que a praça estava cheia de gente lanchando. Ainda mais que ontem foi dia de jogo da Libertadores e lá o pessoal se reúne na praça pra assistir”, disse uma moradora.

Após o assalto, os bandidos fugiram pelo rio onde embarcações já estavam no aguardo do bando.

Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social informou que as forças de segurança já trabalham na busca dos bandidos.

Check Also

Vacinação no Pará pode começar em 21 de janeiro, afirma Helder

Na manhã desta quinta-feira (14), o governador Helder Barbalho falou sobre a campanha de vacinação …