Home / Polícia / Sargento da PM é assassinado a tiros; estava jurado de morte

Sargento da PM é assassinado a tiros; estava jurado de morte

O sargento da Polícia Militar Laércio Palheta Balieiro, 46 anos, foi assassinado por volta de 16h30 desta sexta-feira (12), no Ramal do Cupuaçu, na Vila dos Cabanos, em Barcarena, por dois homens que estavam em uma motocicleta. Ele recebeu vários tiros no rosto e morreu na hora. Balieiro trafegava de motocicleta quando os assassinos emparelharam com ele e o mataram.
Segundo a Polícia Militar, o sargento era lotado no 14º Batalhão da PM, sediado em Barcarena, e estava de folga. Ele estava na corporação havia 22 anos. Balieiro, segundo disse uma fonte ao Ver-o-Fato, era um homem marcado para morrer há vários anos, por ter se envolvido no sequestro e morte do pedreiro Rafael Viana e ter feito delação premiada, quando citou um dos envolvidos.

Check Also

Nota da PM sobre disparos de balas de borrachas contra sem terra na Fazenda Surubim

“A respeito do fato ocorrido na Fazenda Surubim, no município de Eldorado dos Carajás, sudeste …