Home / Polícia / Secretária é assassinada dentro da Câmara de Vereadores de Contagem MG

Secretária é assassinada dentro da Câmara de Vereadores de Contagem MG

Por: Em Notícias

Eram cerca de 9h de ontem quando o escrivão de Polícia Civil Cláudio Roberto Weichert Passos, de 41, passou pela segurança da Câmara de Vereadores de Contagem, também na Grande BH, apresentando-se como autoridade. Minutos depois, o servidor que deveria zelar pela proteção da população invadia o gabinete do vereador Jerson Braga Maia, conhecido como Caxicó, para executar a secretária Ludmila Leandra Braga, de 27, com quem já havia tido um relacionamento amoroso e a quem vinha fazendo ameaças.

No crime de ontem, segundo testemunhas, Cláudio Roberto Weichert passou pela porta principal da Câmara, mostrou a carteira em que constava o registro de escrivão da Polícia Civil e conseguiu entrar com a arma no prédio, em que não há detector de metais operando. Após tirar uma foto e cruzar a roleta, Cláudio entrou no gabinete em que Ludmila estava sozinha. A jovem levou quatro tiros de pistola calibre .40.

Depois que matou a secretaria, o policial atirou contra a cabeça e foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que o levou até a Prefeitura de Contagem, onde o helicóptero Arcanjo do Corpo de Bombeiros já aguardava para encaminhá-lo ao Hospital João XXIII, em BH. Por causa do crime, o prédio da Câmara foi evacuado e o quarteirão, isolado. O expediente foi suspenso e o presidente da Casa decretou luto por três dias. Ludmila deixa duas filhas de 3 e 5 anos.

Check Also

Bandidos arrombam banco, fazem três policiais reféns e roubam viatura em Jacundá, sudeste paraense

Por: G1/PA Uma agência do banco do Bradesco, em Jacundá, sudeste do estado, foi arrombada …