Home / Notícias / Vento alcança segundo lugar na matriz energética do Brasil

Vento alcança segundo lugar na matriz energética do Brasil

Energia eólica transforma a paisagem da Chapada do Araripe — Foto: Reprodução/Rede Globo

Energia eólica transforma a paisagem da Chapada do Araripe — Foto: Reprodução/Rede Globo

O crescimento vertiginoso da energia eólica no Brasil foi responsável pela quebra de um recorde importante no mês passado. A força do vento ultrapassou em capacidade instalada a hidrelétrica de Itaipu, alcançando a vice-liderança no ranking da matriz elétrica do país, atrás apenas da hidroeletricidade. A informação obtida em primeira mão pelo blog leva em conta os dados apurados pela Associação Brasileira de Energia Eólica (ABBEólica) e Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Check Also

Avaliação positiva do governo Bolsonaro soma 35%, mas 27% têm visão negativa, diz CNI/Ibope

A avaliação ótima/boa do governo Jair Bolsonaro soma 35 por cento, mostrou nesta quarta-feira a …